Desde o lançamento do filme animado Malvado Favorito, em 2010, os vilões Gru e seus assistentes amarelos, os Minions, conquistaram corações ao redor do mundo. A história do ex-vilão que se tornou pai adotivo de três meninas traz elementos inesperados de carinho e ternura para um ambiente que costuma ser dominado por tramas de ação e suspense.

Mas, além disso, o sucesso de Malvado Favorito também trouxe a oportunidade de revisitar a vida de Gru e reconhecer suas ações passadas como vilão. E aí que entra a história de suas filhas.

Margo, Edith e Agnes são as três meninas adotadas por Gru que se tornaram suas maiores incentivadoras a mudar de vida. Margo é a filha mais velha, responsável e preocupada com o bem-estar da família. Edith é uma menina mais durona, sempre pronta para se aventurar e desafiadora, enquanto Agnes é a mais jovem e a mais doce, com um amor incondicional por unicórnios.

Em Malvado Favorito 2, lançado em 2013, as três meninas voltaram como personagens importantes na trama. Gru decide se juntar à Liga Anti-Vilões depois que se descobre que um novo vilão está ameaçando o mundo. Margo, Edith e Agnes ajudam o pai a enfrentar os desafios do novo trabalho, construído principalmente para capturar o novo inimigo.

Mas é em Minions, spin-off de Malvado Favorito, que podemos assistir às meninas em ação como adolescentes. A trama se passa nos anos 60, antes de Gru adotar as meninas, e foca nas aventuras dos Minions antes de se tornarem assistentes de Gru. No filme, as meninas recebem a ajuda dos amarelinhos para entrar em uma banda de rock e desafiar a ordem de seus pais.

Mais recentemente, com o lançamento de Malvado Favorito 3, em 2017, as filhas de Gru voltaram a ter destaque na trama. A história gira em torno de um novo vilão, Balthazar Bratt, que usa memórias de TV dos anos 80 para levar a cabo seus crimes. Margo se apaixona pelo valentão da escola, Edith se disfarça de princesa para um show e Agnes quer encontrar um unicórnio de verdade.

Malvado Favorito foi uma animação que conquistou o público por suas tramas irreverentes e personagens cativantes. E com a inclusão das filhas de Gru como personagens importantes na saga, a história se tornou ainda mais emocionante e diversa. As histórias dessas meninas mostram que, mesmo tendo seus pais como vilões, elas não estão fadadas a seguirem o mesmo caminho. Margo, Edith e Agnes são provas de que a redenção e a mudança de vida são possíveis, mesmo em circunstâncias difíceis.